Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

15/02/2017 - 10:23 - Atualizado em 20/02/2017 - 17:43
Inscrições abertas para roda sobre postura de professores com novos perfis de alunos
Nova edição do projeto 'Roda de Conversa' é aberta à participação de 40 docentes
por Autor: 
Hermom Dourado

Foto: Pixabay

 

"Há alguns anos – não muitos – a tecnologia começou a ser foco de inúmeras buscas. Um dos objetivos seria ganhar tempo, produzir com mais rendimento, mais qualidade e menos esforço. Assim, a busca incansável pela tecnologia foi criando corpo e crescendo dia a dia. Pois hoje ela já avançou tanto, que transmite informações de acontecimentos distantes em tempo real. Para muitos que nasceram antes da década de 70 do século passado, tudo consumia mais tempo: desde o ato de enviar uma correspondência até o de fazer um bolo. Agora, porém, estamos num mundo no qual os jovens – nossos alunos, inclusive – nasceram numa época de conexões virtuais: internet e suas redes sociais, e-mails, WZ e assim seguem várias outras modalidades que fazem parte de suas realidades desde quando se viram e entenderam como alguém."

A reflexão é do professor Roberto Bernardino Júnior, do Instituto de Ciências Biomédicas (Icbim). Ele será o responsável pela mediação da 12ª Roda de Conversa com docentes da UFU, agendada para o dia 7 de março, das 8h30 às 12h, na Sala 300 do Bloco 5S, do Campus Santa Mônica. Essa edição do projeto tem como tema "Entendendo a docência num tempo de Dez-conexões" e recebe inscrições até 3 de março, com vagas limitadas a 40 professores – o preenchimento se dá conforme a ordem das solicitações, ocorrendo a formação de lista de espera após o preenchimento daquele limite.

Bernardino avalia que os processos "se perderam", mas seguem imprescindíveis. "O processo ensino-aprendizagem não consegue ser substituído pelas conexões virtuais. Existe uma franca desconexão com o real, com as reflexões, com o relacionamento e com o outro que está ao meu lado ao alcance de um braço. Conectar em excesso com o virtual e externo dificulta o aprendizado de como se conecta com o interior, o essencial, o eu e o outro”, lamenta, acrescentando que a principal intenção do debate com os professores da UFU é justamente a reflexão sobre os métodos que se fazem necessários para que o processo ensino-aprendizagem se desenvolva junto a jovens que desconhecem condutas básicas da vida de relação.

No entendimento do mediador, muitos professores também “entram na roda viva do ganhar tempo”, esquecendo-se que o tempo é o responsável pela construção de processos. Daí a pertinência de questionamentos como: “De que forma mediar a construção de conhecimentos sem processos amadurecidos pelo tempo?” e “Como nos envolvermos no processo ensino-aprendizagem sem conhecermos o local psicológico e social de nossos alunos?”

 

Como se inscrever

O projeto é uma iniciativa da Divisão de Formação Docente (Difdo), vinculada à Diretoria de Ensino, da Pró-Reitoria de Graduação (Diren/Prograd). Como as vagas são preenchidas por ordem de inscrição, os interessados devem se manifestar o quanto antes, enviando para o e-mail difdo@prograd.ufu.br as seguintes informações: nome, número de registro no Siape, Unidade Acadêmica, titulação, data de posse na UFU e idade.

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2019. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal