Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

04/05/2018 - 16:12 - Atualizado em 08/05/2018 - 16:58
Prática de xadrez acontece semanalmente no Campus Santa Mônica
As atividades são abertas a toda comunidade e não é necessário fazer inscrições
por Autor: 
Nasser Pena

O Programa de Educação Tutorial do curso de Sistemas de Informação (PET-SI) da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) realiza todas as sextas-feiras, das 8h50 às 10h40, encontros de jogo de xadrez. A iniciativa, que surgiu em 2012, é aberta a todos os interessados e não é necessário fazer inscrição prévia. Basta comparecer e jogar.

A estudante Lesly Montúfar utiliza as habilidades desenvolvidas no xadrez em suas tarefas acadêmicas (Foto: Nasser Pena)

Os encontros acontecem na Sala 114 do Bloco 3Q no Campus Santa Mônica. Segundo o petiano Gustavo Oliveira, os encontros surgiram da vontade dos membros do PET-SI de jogar xadrez e, hoje, participam desde iniciantes até o campeão da última Olimpíada da UFU. “É uma atividade de caráter coletivo integrador e qualquer pessoa que se interesse, inclusive de fora da UFU, também pode participar”, afirma Oliveira. Também são oferecidos certificados para os praticantes proporcionalmente ao número de encontros visitados.

Os encontros têm um caráter formativo, principalmente para quem ainda não possui muita prática com o esporte da mente. “Quando chega alguém que não sabe jogar, a gente ensina pessoalmente. Os próprios participantes também ensinam aos menos experientes”, disse Oliveira.

Uma das mais novas participantes dos encontros promovidos pelo PET-SI é a enxadrista profissional e estudante do primeiro período de Engenharia Eletrônica de Telecomunicações, Lesly Montúfar. Ela começou a praticar o xadrez aos oito anos e, desde então, tem acumulado diversas premiações. “Já participei de muitos campeonatos aqui e fora do país, como na Colômbia, no Uruguai, no Peru e no Chile”, conta Montúfar. Aos 18 anos, a enxadrista já recebeu títulos importantes, como o de Candidata Mestra e Mestra FIDE (Federação Internacional de Xadrez). “Não tenho ideia do total de campeonatos que ganhei, mas são mais de 100”, afirma.

Para Montúfar, a iniciativa do PET-SI é muito importante para dar visibilidade ao esporte. “É importante um grupo de xadrez como esse, para reunir quem gosta e atrair mais pessoas pro jogo. Porque oferece vários benefícios, como a melhora no raciocínio lógico”. A enxadrista ainda afirma que a prática do xadrez também a ajuda a desempenhar suas tarefas acadêmicas. “Esse é meu primeiro semestre, daí eu tive aula de computação e ficou mais fácil pensar como eu vou programar. Tenho que criar caminhos igual no xadrez”, conclui.  

TÓPICOS: 

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2019. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal