Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

07/01/2019 - 11:41 - Atualizado em 10/01/2019 - 15:47
UFU tem 60 pesquisadores aprovados em Edital Universal do CNPq
Os projetos selecionados começam a ser executados neste ano
por Autor: 
João Pedro Rabelo

Para participar do edital, é preciso que o pesquisador tenha o título de doutor, um vínculo com uma instituição e um grupo de pesquisa. (Foto: Milton Santos)

Foi divulgado o resultado preliminar da Chamada Universal do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). A lista inicial saiu no dia 30 de novembro e contempla 60 pesquisadores da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) de diversas áreas do conhecimento, dentre os 5.572 aprovados no projeto. No dia 15 de fevereiro acontece a divulgação final das propostas aprovadas no Diário Oficial da União.

Os pesquisadores participantes do edital foram divididos em três faixas de financiamento: na faixa A, para projetos até R$ 30 mil, foram 2.357 selecionados; a faixa B, com projetos até R$ 60 mil, teve 1.976 escolhidos; a faixa C, por sua vez, contempla 1.237 pesquisadores com projetos de pesquisa até R$ 120 mil.

O Edital Universal é um dos pilares de financiamento da pesquisa por parte do CNPq e um dos editais mais longevos do órgão, criado no final da década de 1960. A divisão por faixas pode ser explicada pelo processo de desenvolvimento de pesquisas no âmbito acadêmico. A faixa A é destinada ao pesquisador iniciante, a faixa B para o pesquisador em processo de consolidação e faixa C é voltada ao pesquisador mais experiente no campo da pesquisa científica.

Dentre os 60 pesquisadores da UFU que se encontram incluídos na chamada, 28 são da faixa A, 21 da faixa B e 11 da faixa C. Os valores de cada uma são definidos pelo Conselho Consultivo do CNPq por meio de estudos e relatórios que demonstram as formas de financiamento da pesquisa no Brasil. Os critérios de elegibilidade exigem que se tenha o título de doutor, um vínculo funcional com uma instituição federal e um grupo de pesquisa (ou estar vinculado a um grupo de pesquisa). Ao todo serão investidos R$ 200 milhões em pesquisas científicas no país através do Edital Universal.

De acordo com o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UFU, Carlos Henrique de Carvalho, o incentivo à pesquisa científica “é um processo que precisa continuar como principal vetor de financiamento do CNPq. É claro que, por se tratar de um Edital Universal, precisa passar por uma reestruturação, mas a ideia do financiamento via edital universal para os pesquisadores brasileiros deve ser mantida e ampliada em termos de aporte de recursos financeiros”.

No processo de seleção, a análise do currículo do pesquisador é levada em consideração para avaliar a sua atuação na área de pesquisa, o mérito do projeto e se realmente tem relevância no campo científico acadêmico. Também são avaliados quesitos de repercussão ou impactos da pesquisa na sociedade e se é exequível dentro da faixa de financiamento determinada. No processo de avaliação, que é comparativo, esses critérios são observados e ao final uma nota de corte é atribuída. O pesquisador que estiver participando do processo seletivo precisa atingir a marca de 81 pontos para entrar no financiamento. Essa nota de avaliação vale para todas as três faixas de financiamento.

Veja todos os aprovados na página do CNPq.

 

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2019. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal