Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

06/05/2019 - 16:33 - Atualizado em 14/05/2019 - 17:01
NOTA OFICIAL
Informe à comunidade sobre bloqueio orçamentário na UFU
por Autor: 
Portal Comunica

 

 

NOTA OFICIAL

 

A Administração Superior da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) informa que foi realizado no dia 30/04/2019 bloqueio orçamentário de 30% dos recursos discricionários previstos e aprovados na Lei Orçamentária Anual (LOA) 2019 para financiar o funcionamento das atividades normais da Instituição para o ano de 2019. O bloqueio total de R$ 42.854.200,00 (quarenta e dois milhões oitocentos e cinquenta e quatro mil e duzentos reais) foi implantado no sistema e atinge as seguintes ações:

  • Funcionamento das Instituições Federais de Ensino Superior;
  • Reestruturação e Expansão de Instituições Federais de Ensino; 
  • Funcionamento de Instituições Federais de Educação Profissional e Tecnológica (Estes);
  • Funcionamento do Hospital Veterinário;
  • Idiomas sem Fronteiras;
  • Capacitação de Servidores Públicos Federais em Processo de Qualificação e emenda do relator da LOA.  

Este bloqueio do orçamento anual ocorre após quatro meses do início de sua execução, o que significa que para a Instituição se ajustar ao novo orçamento disponível terá que reduzir as suas despesas em 45% nos oito meses restantes do ano.

Até o presente momento as atividades da Universidade vêm sendo desenvolvidas normalmente, e não há débitos pendentes, isto é, todos os valores liquidados foram quitados. Deve-se lembrar que nos últimos dois anos a UFU teve que se adaptar a cortes orçamentários com reflexos importantes em seus projetos. Apenas como exemplo, pode-se citar a dificuldade de obras em andamento, particularmente nos campi da UFU em Patos de Minas e Ituiutaba, mas também em Uberlândia. Consequentemente, a Instituição não tem como absorver um bloqueio orçamentário de tão grande monta e o seu funcionamento será duramente afetado se não houver uma reconsideração desta medida por parte do Ministério da Educação (MEC). Neste sentido, preocupa muito o eventual comprometimento das atividades acadêmicas e administrativas ao longo deste ano. Serviços de apoio como vigilância, limpeza, recepção, transporte, reformas sofrerão sério impacto. Todos os contratos que a UFU tem com fornecedores terão que ser reavaliados com o horizonte de redução máximo previsto em lei.  Isso significa que as consequências devem atingir também a empresas prestadoras de serviços especializados à nossa instituição.

Atividades de ensino, pesquisa e extensão serão também afetadas. Certamente o árduo e excelente trabalho realizado pela UFU em prol da sociedade fica sob risco de sérios prejuízos, com danos dificilmente recuperáveis. A Universidade tem procurado melhorar seus cursos de graduação e de pós-graduação ao longo dos anos, sem contar o excelente trabalho da Escola de Educação Básica (Eseba) e da Estes. Os resultados são palpáveis, sendo comprovados pelos índices demonstrados em diversos rankings nacionais e internacionais e, também, pelos vários mecanismos de avaliação existentes. O transbordamento da UFU sobre a sociedade é extremamente positivo e tem que ser sempre reconhecido e valorizado. Este trabalho não pode ser comprometido, a Universidade é um patrimônio do povo brasileiro, com missão específica nesta importante região do país.

A Administração da Universidade está acompanhando a situação e o desenrolar das ações em Brasília, e também participando e apoiando a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), que intercede junto ao MEC para reconsideração deste insustentável bloqueio de orçamento. A comunidade será informada sobre o andamento das ações em Brasília.

 

Uberlândia, 6 de maio de 2019.

 

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2019. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal