Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

06/08/2020 - 17:36 - Atualizado em 07/08/2020 - 13:40
CNPq financia 100 novas bolsas de iniciação científica para UFU
Pela primeira vez, agência de fomento concederá bolsa de pesquisa como forma de apoio às ações afirmativas de inclusão social
Por: 
Jhonatan Dias

Estudante de Biomedicina da UFU na Mostra de trabalhos científicos, na praça Tubal Vilela, em maio de 2019. (Foto: Alexandre Santos)

A iniciação científica (IC) é uma pesquisa realizada por estudantes na graduação ou no ensino médio. Devido à avaliação positiva do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica da Universidade Federal de Uberlândia (Pibic/UFU), o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - uma das agências de fomento dessa modalidade - aumentará a quantidade de estudos financiados a partir de 2020.

Serão concedidas 100 novas bolsas para estudantes de graduação, totalizando 330. E mais três pesquisas serão pagas no Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (Pibiti), chegando a 28 ao todo. O valor das duas modalidades é de R$400 por mês. Para a o Ensino Médio, serão dez novos financiamentos (75 no total), no valor de R$100 mensais. 

A novidade de 2020/2021 para os pesquisadores iniciantes da UFU é a incorporação de uma bolsa como ação afirmativa para os alunos que ingressaram na universidade pelas cotas. De acordo com o CNPq, o objetivo do programa é “complementar as ações afirmativas já existentes nas universidades e oferecer aos alunos beneficiários dessas políticas a possibilidade de participação em atividades acadêmicas de iniciação científica.”

Os processos seletivos para concessão das bolsas são divulgados pela Diretoria de Pesquisa (Dirpe), vinculada à Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propp/UFU). O diretor da Dirpe, Kleber Del-Claro, acredita que os resultados apresentados pelos alunos e orientadores, o incentivo de estudo entre os técnicos administrativos e o trabalho da equipe da diretoria e o comitê de IC foram os principais motivos para a ampliação das bolsas.

“A iniciação científica é fundamental. É o nascedouro de pesquisadores que rega toda a pós-graduação. Estamos contentes, pois competimos com o Brasil todo e fomos muito além das expectativas. Agora, esperamos os recursos do CNPq”, conclui o biólogo.

Apresentação de pesquisa durante a VII Semana de Iniciação Científica e Tecnológica da UFU, em novembro de 2017. (Foto: Alexandre Santos)

 

Política de uso: A reprodução de textos, fotografias e outros conteúdos publicados pela Diretoria de Comunicação Social da Universidade Federal de Uberlândia (Dirco/UFU) é livre; porém, solicitamos que seja(m) citado(s) o(s) autor(es) e o Portal Comunica UFU.

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2022. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal