Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

11/11/2020 - 16:58 - Atualizado em 13/11/2020 - 10:42
Livro traz mais de 280 perguntas e respostas sobre meio ambiente
Obra de servidor da UFU é fruto de pesquisas no doutorado
Por: 
Marco Cavalcanti

Livro também traz indicação de sites, filmes e documentários, textos reflexivos e estudo de caso (foto: Marco Cavalcanti)

 

Um livro com perguntas e respostas para quem quer entender melhor o meio ambiente. Essa foi a ideia que o servidor técnico administrativo Duílio Júlio Santos, do Campus Pontal da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), pôs em prática no início de outubro deste ano.

A água do planeta irá acabar? Existem alguns animais e plantas que aparentemente são inúteis para o planeta Terra; por que temos que preservá-los? Por que frequentemente ocorrem queimadas na Amazônia? Perguntas como essas são respondidas de forma objetiva para facilitar a compreensão e a assimilação do assunto.

A publicação nasceu a partir de pesquisas realizadas pelo servidor sobre Tecnologia Ambiental no curso de doutorado, finalizado em 2018. “Às vezes, quando encerramos uma relevante pesquisa científica, publicamos um artigo em uma revista científica, mas não compartilhamos com a sociedade nossos resultados, nossa percepção, então o livro foi a minha forma de contribuição para o público leigo”, conta Santos.

Além das 284 questões, que incluem leis e acordos ambientais, o livro também traz indicação de sites, filmes e documentários, textos reflexivos e estudo de caso. Como relata o pesquisador, a obra foi baseada em questionamentos apresentados em sites e perguntas geradas em palestras que ele ministrou.

 

 

“A Educação Ambiental é um tema muito complexo e, no Brasil, é trabalhada nas escolas como um tema transversal (conforme determina a lei), por isso, deixa muito a desejar, pois o docente geralmente não recebe a formação necessária para tal abordagem”, argumenta.

Segundo Santos, pelo fato de os efeitos colaterais que atingem o meio ambiente serem lentos, as pessoas não se comovem para preservá-lo. “E por muito tempo seus efeitos foram negados. Mas existe uma pequena parte da população, pesquisadores, ONGs e empresas que motivam a população a se interessar pelo meio ambiente. E é necessário, pois os efeitos negativos são transfronteiriços, ou seja, se não preservar a Amazônia, vai reduzir as chuvas no centro-oeste. Nosso ambiente é todo interligado”, afirma.

O “Meio Ambiente - perguntas e respostas” tem 123 páginas e está disponível na Amazon (e-book e impresso) e na Hotmart (e-book).

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2022. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal