Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

16/08/2021 - 17:21 - Atualizado em 16/08/2021 - 18:14
Diretor de Pesquisa da UFU é eleito presidente da Sociedade Brasileira de Ciência em Animais de Laboratório
Murilo Vieira Silva, da PROPP, já fazia parte da Sociedade como secretário-geral
Por: 
Túlio Daniel

 

 

Silva também é pesquisador da Rede de Biotérios de Roedores da UFU (Foto: Arquivo pessoal)

 

O diretor de Pesquisa da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade Federal de Uberlândia (PROPP/UFU), Murilo Vieira Silva, foi eleito presidente da Sociedade Brasileira de Ciência em Animais de Laboratório (SBCAL) para o mandato de 2022-2025. O resultado foi divulgado no dia 11/8.

Com objetivo de defender o bem-estar animal e seu uso racional, capacitar profissionais e lutar por uma legislação específica, foi criado, em 1983, o Colégio Brasileiro de Experimentação Animal (Cobea). Em 2008, na Assembleia-Geral do Cobea em São Paulo, houve a mudança do nome para o atual, utilizando a sigla SBCAL/Cobea.

Desde sua criação, a SBCAL já teve 13 presidentes, além de realizar nove congressos e participar de outros dois internacionais. A finalidade da Sociedade é possibilitar, facilitar, estimular e garantir o aprimoramento do conhecimento científico e tecnológico na área da Ciência de Animais de Laboratório, promovendo o uso ético e legal do animal de laboratório.

 

Logo da SBCAL (Imagem: Divulgação)

 

Além de diretor de Pesquisa, Silva é doutor em Imunologia e Parasitologia Aplicadas e, em 2018, recebeu o prêmio Iclas Travel Awards, concedido pelo Conselho Internacional para Ciência Animal de Laboratório (Iclas), devido à sua atuação no campo da Ciência em Animais de Laboratório. “Essa inserção [na SBCAL] faz com que a UFU tenha um reconhecimento nessa área tão importante para o desenvolvimento da ciência como um todo. Nós sabemos da importância desses animais para o desenvolvimento da ciência, é inquestionável o uso deles e isso fica claro até na situação que estamos vivendo hoje da pandemia de covid-19, onde os modelos animais para entender essa infecção são relativamente raros e demandam uma grande equipe de especialistas para que desenvolvam e mantenham esses animais com qualidade”, explica Silva.

O diretor ainda destaca a satisfação em estar à frente da SBCAL, devido ao seu papel em programar e estimular as pesquisas na experimentação animal e ter vínculo com órgãos de controle, como o Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal (Concea). Dentro da Sociedade, é possível impulsionar o uso ético e legal dos modelos animais e tentar avançar para que as pesquisas aconteçam de uma forma mais independente de outros países. “Tentamos impulsionar essa independência e também o desenvolvimento de profissionais atuantes na área, impulsionando, indiretamente, todas as demais áreas que utilizam animais”, completa Silva.

Você pode acompanhar os trabalhos da SBCAL pelo site oficial ou pelo perfil deles no Instagram.

 

Política de uso: A reprodução de textos, fotografias e outros conteúdos publicados pela Diretoria de Comunicação Social da Universidade Federal de Uberlândia (Dirco/UFU) é livre; porém, solicitamos que seja(m) citado(s) o(s) autor(es) e o Portal Comunica UFU.

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2022. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal