Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

06/09/2021 - 16:38 - Atualizado em 08/09/2021 - 09:52
Servidor da UFU tem dois livros publicados na Amazon e na Bok2
Obras do orientador pedagógico e educacional Aluísio Alves abordam as temáticas da espiritualidade, relacionamento e educação médica
Por: 
Henrique Rodrigues

Psicanalista e servidor da Divisão de Promoção de Igualdades e Apoio Educacional (Dipae) - vinculada à Pró-Reitoria de Assistência Estudantil da Universidade Federal de Uberlândia (Proae/UFU) -, Aluísio Alves publicou, nos últimos dois anos, os livros "História da Educação Médica no Brasil e da Escola de Medicina e Cirurgia de Uberlândia" e "O que os Olhos Não Veem e o Coração Sente". As obras estão disponíveis na Amazon e no site da Bok2 Livraria.

Capas dos livros do servidor Aluísio Alves. (Foto: Reprodução/ Amazon e Bok2)

"História da Educação Médica no Brasil e da Escola de Medicina e Cirurgia de Uberlândia" conta, a partir da chegada da família real portuguesa na colônia, como o ensino médico se deu no país, junto com as influências europeias e norte-americanas. A cronologia aborda a abertura de escolas de medicina no Brasil e a gênese, a constituição e a implementação da Escola de Medicina e Cirurgia  de Uberlândia, a atual Faculdade de Medicina (Famed/UFU). O livro se baseia na tese de doutorado do servidor e possui 200 páginas, divididas em cinco capítulos, sendo um escrito pelo memorialista Antônio Pereira da Silva sobre as histórias de boticários na cidade mineira.

"Conhecer os movimentos que ocorreram na história da arte e da ciência médica, seus desafios e enfrentamentos de limitações de toda ordem é algo essencial, porque possibilita uma visão em perspectiva dos caminhos que foram construídos até o seu atual estado, sobretudo, da educação em saúde no Brasil", afirma Alves. Por isso, o autor opta pela escolha metodológica da visão e da narrativa das elites sociais sobre o período histórico da educação médica brasileira para permitir a reflexão sobre o lugar representado pelo povo de diferentes cenários.

Outra publicação realizada é a do livro "O que os Olhos Não Veem e o Coração Sente", que possui 359 páginas, segmentadas nas seguintes seções temáticas: "Cura da alma e do corpo"; "Relacionamento pais e filhos"; "Relacionamento amoroso"; "Prosperidade integral"; "Amor próprio e poder pessoal"; "Novos sentidos para uma vida que vale ser vivida"; e "Terapia Familiar Sistêmica". Segundo os médicos Anderson e Daniela do Amaral, o complexo universo que é o ser humano não pode ser tratado sob apenas uma faceta; é necessário quebrar paradigmas para tratar com excelência o outro em todas as suas esferas. "A abordagem sistêmica e as técnicas utilizadas pelo nosso mestre Aluísio Alves são ferramentas precisas que nos ensinam a acessar nosso Eu. Um verdadeiro afago para o coração", completam.

Para adquirir as obras, basta pesquisar pelo nome do autor no site da Bok2 Livraria e no da Amazon.

 

'Youtuber' e acadêmico

Além das duas obras disponíveis na internet, Alves também é responsável por um canal no YouTube, o "Felicidade e Saúde", em que compartilha o que cria mais estes sentimentos, sensações e condições. "Merecemos desfrutar desta oportunidade incrível que é estar no mundo, da amizade e da solidariedade manifestada na partilha das descobertas e da leveza que nosso caminho pode ser", declara. Ainda, é pesquisador da Educação médica e, atualmente, bacharelando em Ciências Biológicas e pós-graduando em Psicologia Sexual.

Aluísio Alves integra a equipe da Divisão de Promoção de Igualdades e Apoio Educacional da UFU. (Foto: Acervo pessoal)

 

Política de uso: A reprodução de textos, fotografias e outros conteúdos publicados pela Diretoria de Comunicação Social da Universidade Federal de Uberlândia (Dirco/UFU) é livre; porém, solicitamos que seja(m) citado(s) o(s) autor(es) e o Portal Comunica UFU.

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2022. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal