Skip to:

FacebookInstagramLinkedinTikTokTwitter YoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

06/10/2022 - 18:25 - Atualizado em 10/10/2022 - 14:05
Universidade Federal de Uberlândia luta contra novo corte de verbas anunciado pelo governo federal
Confira o texto assinado pelo reitor Valder Steffen Junior após reunião com os membros da Andifes, nesta quinta-feira
Por: 
Portal Comunica

A Administração Superior da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) manifesta profunda preocupação com o bloqueio efetivado de 5,8% na disponibilidade orçamentária para as despesas de livre movimentação (discricionárias) nas universidades e institutos federais. Este bloqueio e o contingenciamento anterior resultam em perda orçamentária de aproximadamente 10% dos recursos de custeio para a UFU previstos em 2022. Cabe ressaltar que houve, a partir de 2016, uma redução média no orçamento discricionário (custeio e capital) de R$ 21 milhões por ano.

Tais restrições orçamentárias resultam em graves dificuldades no cumprimento das metas planejadas com consequente fragilidade institucional. A UFU terá, portanto, problemas para honrar os compromissos financeiros previamente assumidos com fornecedores e prestadores de serviço, bem como na oferta de novas bolsas de ensino, pesquisa e extensão.

Nossa universidade tem atuado com a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituição Federais de Ensino Superior (Andifes) e frentes parlamentares na busca do restabelecimento orçamentário das universidades para que possam cumprir sua missão de formar profissionais altamente qualificados, de forma gratuita e socialmente referenciada, e, assim, contribuir para o desenvolvimento do nosso país.

 

VALDER STEFFEN JUNIOR

Reitor

 

 

Uberlândia (MG), 6 de outubro de 2022

 

>>> Veja também:

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2023. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal