Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

09/11/2021 - 13:50 - Atualizado em 12/11/2021 - 09:54
Doutoranda em Ciências da Saúde vai representar a UFU no Diálogo Nobel América Latina e Caribe
Evento contará com a participação de 80 alunos de países da região e quatro laureados com o Prêmio Nobel
Por: 
Julia Alvarenga

Diálogo Nobel América Latina e Caribe será realizado virtualmente. (Foto: Arquivo da pesquisadora)

O Diálogo Nobel América Latina e Caribe está marcado para o dia 16 de novembro. Com a participação de 80 estudantes de universidades de países da região, a representante da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) é Izabella Ferreira, doutoranda em Ciências da Saúde.

Serão reunidos, além dos estudantes, quatro laureados com o Prêmio Nobel para uma discussão sobre a importância da ciência e sua contribuição para a formulação de políticas públicas. O evento será transmitido no canal do YouTube do Prêmio Nobel e é inspirado no Diálogo Nobel Brasil, realizado em abril de 2021, cujo tema foi “O Valor da Ciência”.

Feito em parceria com a Academia Brasileira de Ciências (ABC) e o Inter-American Network of Academies of Sciences (IANAS), o Diálogo será dividido em três etapas. Inicialmente, serão feitas entrevistas com os laureados e, depois, quatro mesas-redondas paralelas com a participação de estudantes, com a oportunidade de interagir com os ganhadores do Prêmio Nobel. Por fim, laureados e personalidades internacionais discutirão a importância da ciência para a sociedade.

Ferreira participa do Laboratório de Nanobiotecnologia do Instituto de Biotecnologia (Nanos/Ibtec) da UFU. Seu projeto de doutorado propõe encontrar biomarcadores moleculares diagnósticos e prognósticos para os cânceres avançados mais incidentes. “Esses marcadores têm grande importância no rastreamento precoce e não-invasivo do câncer, monitoramento da progressão tumoral, avaliação de resposta terapêutica e do prognóstico clínico e ainda, detecção de tumores recorrentes e refratários”, explica.

Izabella Ferreira é graduada em Biomedicina pela UFU (Foto: Arquivo pessoal)

Em seu mestrado pelo Programa de Pós-graduação em Genética e Bioquímica, também da UFU, ela trabalhou com o câncer de mama, buscando plataformas diagnósticas menos invasivas por meio da saliva. “Foi muito motivador estudar uma doença tão complexa e que ainda precisa de um diagnóstico mais precoce e efetivo”, afirma. No doutorado, ela continua na linha da oncologia, agora com enfoque no câncer avançado.

Para Ferreira, representar a universidade no Diálogo Nobel tem um significado especial. “É uma grande responsabilidade e experiência única participar deste evento de visibilidade nacional e internacional, espero representar bem nossa Universidade e colegas do meio científico”, relata.

A UFU indicou duas estudantes para participar do evento. Além de Izabella Ferreira, que acabou escolhida para representar a universidade, a outra indicada foi Julia Andrade, aluna do curso de Relações Internacionais e membro do Núcleo de Pesquisas e Estudos em Direitos Humanos do Instituto de Economia e Relações Internacionais (Nupedh-IERI).

 

Política de uso: A reprodução de textos, fotografias e outros conteúdos publicados pela Diretoria de Comunicação Social da Universidade Federal de Uberlândia (Dirco/UFU) é livre; porém, solicitamos que seja(m) citado(s) o(s) autor(es) e o Portal Comunica UFU.

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2022. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal