Skip to:

FacebookInstagramLinkedinTikTokTwitter YoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

01/07/2022 - 13:44 - Atualizado em 31/10/2022 - 09:49
Proposta de implementação de Parque Tecnológico da UFU é aprovada para receber financiamento
TecnoUFU ficou em segundo lugar na chamada pública da Financiadora de Estudos e Projetos
Por: 
Naiara Ashaia

Proposta é permitir o desenvolvimento de uma nova matriz econômica e tecnológica para Uberlândia e região. (foto: Prefeitura Universitária)

A proposta para implementação do Parque Tecnológico da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), conhecido como TecnoUFU, ficou em segundo lugar no resultado preliminar da etapa de avaliação de mérito da chamada pública “Mcti/Finep/Fndct/Ct-Verde Amarelo – Parques tecnológicos seleção pública de propostas para o apoio financeiro a parques tecnológicos em implantação e em operação”  - linha B (Parques em implantação). Com isso, o projeto receberá, aproximadamente, R$ 10 milhões da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), que publicou a chamada, e R$ 2,5 milhões do Governo do Estado de Minas Gerais.

Parques Tecnológicos são áreas urbanizadas delimitadas e destinadas a abrigar empresas, instituições de ensino, laboratórios e centros de pesquisa ligados à ciência, tecnologia e inovação. De acordo com o professor Thiago Paluma, diretor de Inovação e Transferência de Tecnologia da UFU, o projeto prevê a implantação de atividades que articulem a academia, o setor produtivo privado, os órgãos públicos e a sociedade.

O objetivo é permitir o desenvolvimento de uma nova matriz econômica e tecnológica para Uberlândia e região com a criação de novas empresas e, consequentemente, gerar emprego e renda para a população. Além disso, a TecnoUFU pretende dar visibilidade nacional e internacional às suas empresas e instituições vinculadas, bem como para a cidade de Uberlândia e região.

“O Parque da UFU permitirá o desenvolvimento das atividades da universidade em parceria com empresas, gerando inovação e dinamizando, de maneira sustentável, as condições de trabalho e a economia local, sempre a partir do relacionamento entre projetos da universidade e das empresas presentes no parque”, afirma Carlos Henrique de Carvalho, pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UFU e coordenador geral da proposta aprovada pela Finep.

A equipe do TecnoUFU é formada por servidores públicos da UFU ligados à Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propp),  à Pró-Reitoria de Assistência Estudantil (Proae) e às unidades acadêmicas. O projeto tem duração de cinco anos.

Sobre os próximos passos, Paluma descreve: “Uma vez divulgado o resultado preliminar, aguardaremos o resultado definitivo e assinatura do termo de outorga entre a UFU e a Finep. Após isso, inicia-se a execução do projeto, com o cumprimento das atividades previstas nele, visando à futura colocação do TecnoUFU no status de parque em operação.”

 

Política de uso: A reprodução de textos, fotografias e outros conteúdos publicados pela Diretoria de Comunicação Social da Universidade Federal de Uberlândia (Dirco/UFU) é livre; porém, solicitamos que seja(m) citado(s) o(s) autor(es) e o Portal Comunica UFU.

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2023. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal