Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

24/09/2021 - 10:57 - Atualizado em 24/09/2021 - 10:59
Andifes defende continuidade da Avaliação Quadrienal da Capes
Confira a íntegra do texto publicado pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior, nesta quinta-feira (23/09)
Por: 
Portal Comunica

Após tomar conhecimento da decisão da Justiça Federal do Estado do Rio de Janeiro que determinou à Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) que “suspenda imediatamente a avaliação dos programas de pós-graduação em andamento”, a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) vem a público defender a retomada urgente e a continuidade da Avaliação Quadrienal dos programas de pós-graduação em curso.

A Capes é uma fundação pública vinculada ao Ministério da Educação que, desde 1952, tem tido atuação estratégica para o desenvolvimento do País. Ao longo desses mais de 70 anos, o país desenvolveu, por meio da Capes, um sistema de avaliação da pós-graduação robusto, fundamentado nas melhores práticas internacionais, por meio da revisão dos pares acadêmicos, o que tem contribuído para o avanço substancial do Brasil na pós-graduação e, consequentemente, na pesquisa científica e na inovação.

A consistente avaliação realizada pela entidade tem atribuído valor imensurável no que tange à qualidade e consolidação da pesquisa em todo o Brasil, de forma igualitária entre todas as instituições. Ressaltamos que inexiste a imprevisibilidade nos critérios de avaliação, conforme argumentado, tendo em vista que as mudanças em cada ciclo avaliativo são pontuais e amplamente discutidas com a comunidade científica brasileira, e adotadas com o escopo de calibrar o sistema, visando à melhoria do processo avaliativo.

Considerando que a suspensão da avaliação quadrienal da Capes pode vir a comprometer a produção científica brasileira, que tem se destacado no contexto internacional, manifestamos os mais expressos desejos de que a liminar emitida pela Justiça Federal seja revertida o quanto antes.

 

Brasília, 23 de setembro de 2021

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2021. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal