Skip to:

FacebookTwitterFlickrYoutubeFeed RSS

  • Aumentar
  • Diminuir
  • Normal

Current Size: 100%

17/11/2022 - 16:59 - Atualizado em 17/11/2022 - 17:09
Presidente da Andifes é indicado para Equipe de Transição do Governo Federal
Ricardo Marcelo Fonseca integra grupo da Educação; professora Patrícia Trópia, do Instituto de Ciências Sociais da UFU, também foi nomeada e faz parte o GT do Trabalho
Por: 
Portal Comunica

Anunciados nesta semana novos nomes para os Grupos de Trabalho (GTs) da Equipe de Transição do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Entre os apresentados pelo coordenador-geral da Transição, o vice-presidente eleito Geraldo Alckmin (PSB), está o reitor da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e presidente da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), Ricardo Marcelo Fonseca. 

Ele é um dos 13 integrantes do GT da Educação. Os demais membros são, em ordem alfabética: Andressa Pellanda, coordenadora-geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação; Alexandre Schneider, ex-secretário municipal de Educação de São Paulo; Binho Marques, ex-governador do Acre; Cláudio Alex, presidente do Conselho Nacional dos Institutos Federais (Conif) e reitor do Instituto Federal do Pará (IFPA); Heleno Araújo, presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE); Henrique Paim, ex-ministro da Educação; Macaé Evaristo, ex-secretária municipal de Belo Horizonte e deputada estadual eleita; Maria Alice Setubal, presidente do Conselho Consultivo da Fundação Tide Setubal; Paulo Gabriel, ex-reitor da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB) e presidente do Conselho Estadual de Educação da Bahia (CEE-BA); Priscila Cruz, presidente executiva do Todos pela Educação; Rosa Neide, ex-secretária de Estado da Educação do Mato Grosso e deputada federal; Teresa Leitão, professora, ex-deputada estadual e senadora eleita por Pernambuco; e Veveu Arruda, ex-prefeito de Sobral (CE).

“Entendemos isso como um reconhecimento à Andifes e também à importância da valorização da ciência e um maior papel do Ensino Superior público nesse momento”, destaca Fonseca. Previsto em lei, o governo de transição serve para que os seus componentes tenham acesso a documentos e informações do atual governo para preparar relatórios à nova gestão do Governo Federal, cuja posse ocorre no dia 1º de janeiro de 2023.

Foto: Dálie Felberg/Alep

 

UFU representada

Professora do Instituto de Ciências Sociais da Universidade Federal de Uberlândia (Incis/UFU), Patrícia Vieira Trópia foi indicada para um dos 31 GTs que compõem a equipe do Governo de Transição, o de “Trabalho”. Este grupo contém um total de 10 membros, sendo eles representantes da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea); do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese); da Organização Internacional do Trabalho (OIT); da Força Sindical; da União Geral dos Trabalhadores (UGT); da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); e da Central Única dos Trabalhadores (CUT).

Patrícia Vieira Trópia é lotada na UFU desde 2009, também integrante do corpo permanente de docentes do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS/UFU). Foi presidente da Associação Brasileira de Estudos do Trabalho (ABET) nos anos de 2020 e 2021, além de tutora do Grupo PET Sociais de 2015 a 2022. Seus estudos e atuação envolvem pesquisas sobre sindicalismo no Brasil, mobilização sindical e sindicalismo de classe média. "A equipe de transição tem um papel fundamental no processo democrático, para garantir que o próximo governo possa assumir sua função", resume a professora.

Foto: Arquivo pessoal

 

Política de uso: A reprodução de textos, fotografias e outros conteúdos publicados pela Diretoria de Comunicação Social da Universidade Federal de Uberlândia (Dirco/UFU) é livre; porém, solicitamos que seja(m) citado(s) o(s) autor(es) e o Portal Comunica UFU.

Av. João Naves de Ávila, 2121 - Campus Santa Mônica - Uberlândia - MG - CEP 38400-902

+55 34 3239-4411 | +55 34 3218-2111

© 2022. Universidade Federal de Uberlândia. Desenvolvido por CTI, com tecnologia Drupal