Pular para o conteúdo principal
Leia Cientistas

Conferência Municipal de Saúde e participação social

Um espaço democrático para construção e aprimoramento das políticas públicas de saúde

Publicado em 05/04/2023 às 11:55 - Atualizado em 22/08/2023 às 16:38

Evento teve a participação de representações da gestão de saúde local, regional, dos usuários e dos trabalhadores da saúde. (Foto: Acervo dos pesquisadores)

As conferências de saúde são espaços de participação social que têm como principal objetivo ouvir os anseios da população sobre as questões de saúde do seu território.

Nesses espaços, destinados à promoção de discussões sobre as políticas públicas prioritárias, as representações dos mais diversos setores da sociedade — usuários, trabalhadores e gestores do Sistema Único de Saúde (SUS) — ganham voz e vez e, com isso, a Participação Social, uma das diretrizes do SUS, é garantida.

Nos dias 24 e 25 de março de 2023 foi realizada a 9ª Conferência de Saúde de Uberlândia, que teve como tema “Garantir direitos e defender o SUS, a vida e a democracia”. Esse evento foi coordenado pelo Conselho Municipal de Saúde e contou com a participação de representações da gestão de saúde local, regional, dos usuários e dos trabalhadores da saúde. As participações de delegados das distritais representadas pelas regiões do município, apresentaram suas demandas para serem consideradas na pauta da conferência.

A Universidade Federal de Uberlândia esteve representada formalmente pelo vice-reitor, que ocupou a mesa de abertura, por um docente da Faculdade de Medicina, que proferiu uma conferência de abertura e com a participação de 60 estudantes do curso de Medicina. Acompanhados pelos seus professores do Departamento de Saúde Coletiva, eles vivenciaram os debates da conferência e viram, na prática, temas que haviam sido discutidos previamente em sala de aula.

Os estudantes acompanharam a construção do regulamento da conferência, a formação dos grupos de trabalho, as discussões e indicação dos temas prioritários que pautarão a gestão local e serão levados para a Conferência Estadual de Minas Gerais e para a nacional, com as representações feitas pelos delegados.

Como pauta prioritária levada pela universidade, foi discutida a garantia de que a Rede Municipal de Saúde de Uberlândia seja campo de formação profissional para os estudantes da Saúde, com prioridade para os estudantes de universidades públicas.

Os demais delegados e convidados que participaram da conferência tiveram plena concordância com a pauta levada pela UFU e foram favoráveis a sua inclusão no relatório da 9ª Conferência de Saúde de Uberlândia. Portanto, a pauta terá que ser considerada pela gestão local.

Representações estudantis foram indicadas como delegados(as) para a fase regional da conferência. Mas o principal produto colhido desse espaço democrático de discussão foi a possibilidade da vivência prática pelos estudantes de um dos pilares do SUS, a participação social, principal meio de reivindicar os direitos garantidos pela Constituição Federal.

 

Stefan Vilges de Oliveira, Mariana Hasse,  Nicole Geovana Dias Carneiro e Flávia do Bonsucesso Teixeira são professor e professoras do Departamento de Saúde Coletiva da Faculdade de Medicina (Famed/UFU).

 

A seção "Leia Cientistas" reúne textos de divulgação científica escritos por pesquisadores da Universidade Federal de Uberlândia (UFU). São produzidos por professores, técnicos e/ou estudantes de diferentes áreas do conhecimento. A publicação é feita pela Divisão de Divulgação Científica da Diretoria de Comunicação Social (Dirco/UFU), mas os textos são de responsabilidade do(s) autor(es) e não representam, necessariamente, a opinião da UFU e/ou da Dirco. Quer enviar seu texto? Acesse: www.comunica.ufu.br/divulgacao. Se você já enviou o seu texto, aguarde que ele deve ser publicado nos próximos dias.

Palavras-chave: Leia Cientistas saúde participação Conferência

A11y

Copyright© Universidade Federal Uberlândia.
Desenvolvido por Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação com o CMS de código aberto Drupal.